INSTITUTO QUALISA DE GESTÃO E SOCIEDADE BRASILEIRA DE CARDIOLOGIA LANÇAM CERTIFICAÇÃO INÉDITA

Com o objetivo de garantir a qualidade da prestação de serviços oferecida por mais de 400 serviços de imagem cardiovascular em todo o Brasil, o Instituto Qualisa de Gestão (IQG) e o Departamento de Imagem Cardiovascular da Sociedade Brasileira de Cardiologia (DIC/SBC) firmaram parceria para o lançamento de uma Certificação por Distinção inédita no mercado de Saúde.

O reconhecimento será destinado a instituições públicas e privadas de todo o País, a partir da avaliação de padrões de referência em qualidade nesta prestação de serviços.

“Abrimos a candidatura para diversos hospitais públicos ao longo do território nacional. Os interessados se inscreveram, enviaram indicadores e nós analisamos quais deles tinham o perfil para este primeiro processo”, explica o coordenador da Comissão de Ensino e Acreditação do Departamento de Imagem Cardiovascular (DIC) da SBC, Dr. Edgar Lira.

Os primeiros selecionados para o processo de certificação foram o Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, do Ceará, e o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia, de Minas Gerais.

Formação de profissionais

A coordenadora técnica de Metodologias do IQG, Dra. Elizabeth Reis, explica que um dos motivos para a escolha do Hospital de Messejana é a formação de médicos ecocardiografistas proporcionada pela instituição, o que atende a um consenso entre o IQG e o DIC/SBC, no sentido de difundir processos de qualidade entre jovens profissionais. “Quando atuamos na base, nos centros de formação, nas faculdades, disseminamos conhecimento com um alcance ainda maior”.

O chefe do Setor de Ecocardiografia do Hospital de Messejana e coordenador da Residência de Ecocardiografia do Hospital, Dr. Cezario Gomes, lembra que cerca de 90% do corpo clínico da instituição foi residente da casa.

“O início da certificação sempre causa certo ‘desconforto’ na equipe mais antiga, sentimento natural de qualquer mudança. O investimento feito no residente leva à formação mais otimizada do capital humano, com resultados superiores. Por isso, é importante que esses jovens profissionais entendam os passos que terão de seguir na carreira, não só aqui, mas em outros serviços.”

Em Messejana, a certificação já resultou em dois Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) de residentes: um deles sobre os processos, indicadores e fluxos do serviço; e outro sobre a proposta e as conclusões do processo de certificação. Após as publicações, foram feitas apresentações e discussões clínicas abertas, onde o processo e a conclusão da primeira fase foram avaliados.

Resultados e próximos passos

Para o mercado, o lançamento da certificação é inovador. O objetivo é estabelecer um nível de excelência nos centros de ecocardiografia do País, oferecendo metodologia personalizada de gestão para aprimorar processos e garantir aplicação de Melhores Práticas e Segurança do Paciente.

“Os benefícios da certificação são um caminho sem volta. A procura tem sido cada vez maior entre gestores da rede pública e privada. Entre os pacientes, você também percebe o interesse por atendimento de qualidade”, conta o coordenador da Comissão de Ensino e Acreditação do DIC/SBC, Dr. Edgar Lira.

Para a Dra. Sandra Falcão, gerente do processo de certificação do Hospital de Messejana, a oportunidade de participar no programa serviu para a valorização do serviço. “Trabalhar na rede pública, em um estado do Nordeste, com tantas dificuldades de acesso a recursos financeiros, não é fácil. Com a certificação, mobilizamos todos os setores do hospital para a visão da Qualidade. As melhorias de qualidade não são apenas números. Nós não aumentamos drasticamente a média diária de atendimentos. Mas melhoramos a experiência do paciente, aumentamos a atenção com a segurança do processo e cuidado, passamos a monitorar metas de qualidade como tempo de espera para realização dos exames. No fim, tudo isso significa redução de gastos e aumento da eficiência. Resgatou o sentimento verdadeiro de orgulho, que não vem por remuneração, mas por reconhecimento de entregar qualidade no SUS, onde a população mais precisa”, afirma.

Agora, o Grupo Messajana parte para um novo patamar: de maior produção científica, melhor qualificação nos exames e de ser mais bem avaliado. “Vamos estimular cada vez mais a ouvidoria no serviço que nos prestamos a fazer”, finaliza o dr. Cezario.

Sobre o Instituto Qualisa de Gestão (IQG)

Com atuação marcada pelo pioneirismo, o Instituto Qualisa de Gestão (IQG) está há 25 anos no mercado de acreditação e de gestão da qualidade na área da saúde. Participou da construção e foi a primeira instituição acreditadora na implantação do método da Organização Nacional de Acreditação (ONA). Em 2022, a empresa vem atuando na busca de novos mercados, com o objetivo de levar as suas certificações ONA e por distinção para todo o território nacional e para outros países, consolidando a imagem de referência em qualidade e inovação. O IQG ainda possui o IQGON, uma plataforma que reúne um grande acervo de conteúdo em gestão para ensino a distância, que combina técnicas inovadoras de ensino e aprendizagem. Seus programas de formação de avaliadores ONA, auditores internos e gestores clínicos já formaram mais de 85 mil profissionais de todo o Brasil.

 

[ voltar ]
Menu